Sign my guestbook, pawease!! :)

sexta-feira, 29 de agosto de 2008

Treino com trela

Tal como a Pipa já tinha prometido num post anterior, aqui estou eu para dizer qualquer coisinha sobre o treino com trela. Ou melhor, sobre a necessidade do mesmo...
A Pipa, pura e simplesmente, recusava-se a andar com a primeira trela curta. Prostrava-se no chão, deitada e ninguém a arrastava do sítio. Complicado, quando falamos de um cão com 8, 9, 10 semanas. Cada pequeno passeio depressa se tornava num pequeno pesadelo... ela puxava, puxava, puxava a trela e a velha técnica de parar de cada vez que isso acontecia ou seguir em sentido diferente fazia com que, ao fim de 10 minutos, já estivessem donos e cão com vontade de ir para casa.
A solução de compromisso foi arranjar uma trela-guia, de 10 metros, em nylon. São trela normalmente usadas para ensinar os cachorros a obecerem ao comando ANDA CÁ. Desviámo-nos um bocadinho desse objectivo, porque a Pipa está naquela fase de desvario-desgoverno na rua, parece que fica subitamente surda e deixa de ouvir todos os sons que eu ou o João possamos emitir. Certo é que nunca mais usámos a outra e temos conseguido dar-lhe algum espaço de manobra. Vamos ver como vai ser a (re)transição para a outra, já que ela habituou-se a andar com alguma distância de nós.
Andamos a pensar pô-la numa escola de treino, hipótese que está neste preciso momento em discussão familiar.
Encontram-se, para variar, sites interessantes na net... como este.

Sem comentários: